Você conhece Anne FranK?

















Ola pessoal, hoje vamos praticar um pouco de leitura?
Vamos conhecer a hitória de Anne Frank uma vítima do holocausto nazista.



Anne Frank e seu diário
Os relatos de uma vítima do holocausto nazista


Em 3 de abril de 1946, o mundo conheceu a tragédia de Anne Frank, que se tornou um dos símbolos do holocausto: artigo intitulado Kinderstem ("A voz de uma criança") publicado no jornal holandês Het Parool contava trechos do diário da menina que havia sido morta em campo de concentração.

Anne nasceu na Alemanha em 1929. Seu verdadeiro nome era Annelies Marie, mas todos em sua família a chamavam carinhosamente de "Anne". Ela era a segunda filha do casal Otto e Edith Frank. Sua irmã, Margot, era quatro anos mais velha.

O pai era um homem de negócios e um oficial condecorado que lutou no exército alemão durante a Primeira Guerra Mundial. Em 1934, quando o nazismo fez aumentar as perseguições aos judeus na Alemanha, a família mudou-se para Amsterdã, na Holanda.

As filhas do casal foram matriculadas em escolas locais, onde se saíram muito bem nos estudos: Margot demonstrava maior aptidão para matemática, enquanto Anne demonstrava maior interesse em leitura e redação.

Em 1938, Otto Frank e um sócio, Hermann van Pels, fundaram uma empresa nova. O sócio também era um judeu que havia fugido com a família para a Holanda. Em 1939, a avó materna de Anne Frank veio morar com a família e permaneceu com eles até sua morte em janeiro de 1942.

Ocupação da Holanda

Em maio de 1940, a Alemanha nazista invadiu e ocupou a Holanda. Sob a ocupação nazista, os judeus que viviam na Holanda passaram a ser alvo de leis segregacionistas. Crianças judias ficaram proibidas de estudar nas mesmas escolas onde estudavam crianças não-judias. Por causa dessa proibição, Anne e Margot tiveram que ser transferidas das escolas onde estudavam para um colégio judaico.

No dia 12 de junho de 1942, quando completou 13 anos, Anne Frank ganhou de presente de seu pai um livro. Esse livro era o mesmo que estava na vitrine de uma loja em que ela e o pai passaram e que havia lhe chamado a atenção. Embora fosse um livro para autógrafos, Anne começou a usá-lo como diário quase que imediatamente.

Nele, a jovem começou a registrar fatos corriqueiros na vida de qualquer adolescente. Pouco a pouco, Anne começou a registrar com freqüência cada vez maior as dificuldades enfrentadas pelos judeus por causa da ocupação nazista.


O esconderijo

No mês de julho de 1942, a família Frank recebeu a notícia de que seria obrigada a se mudar para um campo de trabalhos forçados. Para fugir desse destino, a família transferiu-se para um esconderijo no prédio onde funcionava o escritório do pai.

Para deixar a impressão de que haviam fugido apressadamente, Anne e seus familiares deixaram o apartamento todo desarrumado. Além disso, o pai deixou um bilhete, tratava-se de uma pista falsa com o intuito de levar os nazistas a acreditarem que a família estava tentando viajar para a Suíça.

O prédio comercial onde Anne e sua família se esconderam tinha dois andares, com escritórios, um moinho e depósitos de grãos. O esconderijo consistia em alguns cômodos num anexo que ficava nos fundos do prédio. Para disfarçar o esconderijo, uma estante de livros foi colocada na frente da porta que dava para o anexo.

Na montagem do esconderijo, Otto Frank contou com a ajuda dos quatro funcionários em quem mais confiava: Victor Kugler, Johannes Kleiman, Miep Gies e Bep Voskuijl. Eles mais o pai de Johannes e o marido de Miep eram os únicos que sabiam da existência do esconderijo.


Vida clandestina

Essas pessoas mantinham os Frank informados com notícias da guerra e da perseguição dos nazistas aos judeus. Também os ajudavam trazendo comida que compravam no "mercado negro", tarefa que foi se tornando cada vez mais difícil e arriscada com o tempo. Os cidadãos não-judeus que ajudavam judeus a se esconderem corriam o risco de ser executados imediatamente pelos nazistas caso fossem descobertos.

No final de julho daquele ano, outros judeus buscaram abrigo no mesmo esconderijo: a família van Pels, que era composta por Hermann, o sócio de Otto Frank, sua esposa, Auguste, e o filho Peter, um jovem de dezesseis anos.

No começo, Anne não se interessou pelo tímido Peter por achá-lo desajeitado demais, mas depois mudou de opinião e ambos iniciaram um romance. Em novembro, um amigo judeu da família de Anne também passou a morar no esconderijo: o dentista Fritz Pfeffer. Como era de se esperar, com tantas pessoas vivendo juntas e em condições precárias, problemas de convivência começaram a surgir. Para piorar, estava cada vez mais difícil conseguir comida.

Anne passava a maior parte do tempo escrevendo seu diário ou estudando. Todo dia, logo após o almoço, ela fazia atividades de matemática, línguas, história e outras matérias.

Na manhã de 4 de agosto de 1944, a polícia nazista invadiu o esconderijo, cuja localização foi descoberta por um informante que jamais foi identificado. Todos os refugiados foram colocados em caminhões e levados para interrogatório. Victor Kugler e Johannes Kleiman também foram presos, ao contrário de Miep Gies e Bep Voskuijl, que foram liberados.

Esses últimos voltaram ao esconderijo onde encontraram os papéis de Anne espalhados no chão e diversos álbuns com fotografias da família. Eles reuniram esse material e o guardaram na esperança de devolver à Anne depois que a guerra terminasse.


Auschwitz

Anne Frank e sua família foram mandadas para o campo de Auschwitz, na Polônia. Mais do que um campo de concentração, era também um campo de extermínio. Idosos, crianças pequenas e todos aqueles que fossem considerados inaptos para o trabalho eram separados do demais para serem exterminados de imediato.

Dos 1.019 prisioneiros transportados no trem que trouxe Anne Frank, 549 (incluindo crianças) foram separados dos demais para serem mortos nas câmaras de gás. Mulheres e homens eram separados. Assim, Otto Frank perdeu contato com a esposa e as filhas.

Junto com as outras prisioneiras selecionadas para o trabalho forçado, Anne foi obrigada a ficar nua para ser "desinfetada", teve a cabeça raspada e um número de identificação tatuado no braço. Durante o dia, as prisioneiras eram obrigadas a trabalhar. À noite elas eram reunidas em barracas geladas e apertadas. As péssimas condições de higiene propiciavam aparecimento de doenças. Anne teve sua pele vitimada pela sarna.

No dia 28 de outubro, Anne, Margot e a senhora van Pels foram transferidas para um outro campo, localizado em Bergen-Belsen, na Alemanha. A mãe, Edith, foi deixada para trás, permanecendo em Auschwitiz. Em março de 1945, uma epidemia de tifo se espalhou pelo campo de Bergen-Belsen.

Estima-se que cerca de 17 mil pessoas morreram por causa da doença. Entre as vítimas estavam Margot e Anne, que morreu com apenas 15 anos de idade, poucos dias depois de sua irmã ter morrido. Seus corpos foram jogados numa pilha de cadáveres e então cremados.


O sobrevivente

Otto Frank foi o único membro da família que sobreviveu e voltou para a Holanda. Ao ser libertado, soube que a esposa havia morrido e que as filhas haviam sido transferidas para Bergen-Belsen. Ele ainda tinha esperança de reencontrar as filhas vivas.

Em julho de 1945, a Cruz Vermelha confirmou as mortes de Anne e Margot. Foi então que Miep Gies entregou para Otto Frank o diário que Anne havia escrito. Otto mostrou o diário à historiadora Annie Romein-Verschoor, que tentou sem sucesso publicá-lo. Ela o mostrou ao marido, o jornalista Jan Romein, que escreveu um texto sobre o diário de Anne.

O diário foi finalmente publicado pela primeira vez em 1947.

A obra teve tal sucesso, que os editores lançaram uma segunda tiragem em 1950. O "Diário de Anne Frank" foi traduzido para diversas línguas, com mais de 30 milhões de exemplares vendidos em todo o mundo. O livro que começou como um simples diário de adolescente transformou-se num comovente testemunho do terror nazista.



Fonte: http://educacao.uol.com.br/historia/anne-frank.jhtm
Texto escrito por Túlio Vilela, formado em história pela USP, é professor da rede pública do Estado de São Paulo e um dos autores de "Como Usar as Histórias em Quadrinhos na Sala de Aula" (Editora Contexto).

61 comentários:

Anônimo disse...

naun eh muito legal pois naun gosto de racismo,fala sobre uma menina q foi morta no campo de concatração pelos nazitas ela foi de portada da escola em q estudava pois ela era judia e o hitler dizia q os judeus eram sangue ruin.

marty disse...

o texto fala sobre uma minina que foi morta por nazistas,OS alemães.

NAZISMO:pessoas que não gostão de judeis e negros,eu axo que é isso
eles não tinhão DEUS no coração e matavão idosos e crianças

meu nome é MARTY e mando um beijo para as meninas GATINHAS lógico!!

xau pos seis

vou joga pin-bal!

julinho disse...

esta historia fala sobre uma menina que foi morta pelos nazista no campo de concentra�o

Câmera Digital disse...

Hello. This post is likeable, and your blog is very interesting, congratulations :-). I will add in my blogroll =). If possible gives a last there on my blog, it is about the Câmera Digital, I hope you enjoy. The address is http://camera-fotografica-digital.blogspot.com. A hug.

Mateus e Roger disse...

não e legal não gosto de holocaustos,aconteceu em maio de um holocausto que matou muita gente inclusive a familia de Anne Frank.
Com a noticia que tinha que mudar tentarão se esconder,e deram uma pista falsa que ião para a suiça e tiste por que eram obrigados a se mudar

Matheus e João disse...

olá hoje iremos falar sobre uma menina chamada Anne Franck q foi morta pelos nazistas em 3 de abril de 1946.
As pessoas que são nazista ou seja os alemães não gostam das crianças nem de senhores de idade por isso que eles os matam:por exemplo a vó de Anne e sua famila.Então foi isso que eu e o matheus entendemos do texto.
Então fica nisso!!!!
até+


flow

- Ana Luisa Cassal disse...

- O texto fala de Anne Frank uma vítima do holocausto nasista,uma menina de apenas 13 anoos ;S

O pai era um homem de negócios e um oficial condecorado que lutou no exército alemão durante a Primeira Guerra Mundial *

~ Boom ! É isso ~ Muito interessante o texto,agora eu seei quem é Anne Frak ¢.¢

By:'Ana Luisa Cassal /õ

renan puma e guilherme chuvisco disse...

Nós achamos história bem interessante porque mostra a dificuldade de certas pessoas na
2ª guerra mundial .
E tambem mostra a escravidão...

igor e erik disse...

Eu entendi desse texto, que Anne escreveu este diário escondida do nazismo.
Ela e sua familia se esconderam em um prédio.Em cada dia que se passava ficava pior, sem comida, porque se eles saissem para comprar comida eles podiam ser descobertos.Depois de um tempo eles foram descobertos pelos nazistas, e o único que sobreviveu foi o pai dela.Foi isso que nós entendemos.

elivelton disse...

anne franck era uma menina que acabou morta em 3 de abril de 1946 que se tornou simbolodo holocasto
ela naceu na alemanha em 1929 bom eu não gostei que isso acomteceu mas foi eu achei estranho a ela morrido ela morava com a familia a vo depois de um tempo veoi morar junto tanbem ate sua morte em 1942
depois de um tempo ela foi tranferida de escola por coisas que aconteu seu pai num dia lhe tronse um album que ela usou como diario contando tudo de ruim que aconteceu.

samara, mariana , evelyn disse...

o texto é muito dramático
mais é legal!!
isso é uma injustiça o que fizeram com ela e com as outras pessoas !!
se ela tivesse viva poderia os processar!!!
mais é A VIDA NÉ GENTE!!!

Clara e Ana Julia... disse...

Bom !! o que ele fez naum foi nada agradavel, porque o Holocaustos foi a pessoa que matou a familia dela.Inclusive ela...
Nós achamos isso uma injustiça se ela estivesse viva (na quela época ) daria para ela processar ele por te matado a familia dela !!!

vanderlei e luana disse...

Essa historia diz sobre uma menina Chamada Anne Frank.
Ela Foi Morta pelos nazista no campo de concentração.
E Tbm Fala De Rasismo e Isto Não é Legall =[

joyce disse...

deu para endeder que ela nao era filha unica tinha irmaos. o pai dela trabalhava de oficial ele lutou no exercitocom alemao na primeira guerra mundial em 1934 que fez aumemtar as pergui�oes asjudeus da alemanha,que a familiamudou para a holanda.deixa eu cotinuar a historia do irmao. a filha do casal otto e edith frank e sua irma margot,era quatro anos mais velha.

fabiana,juliano disse...

anne franck era uma menina que acabou morta em 3 de abril de 1946 que se tornou simbolodo holocasto
ela naceu na alemanha em 1929 bom eu não gostei que isso acomteceu mas foi eu achei estranho a ela morrido ela morava com a familia a vo depois de um tempo veoi morar junto tanbem ate sua morte em 1942
depois de um tempo ela foi tranferida de escola por coisas que aconteu seu pai num dia lhe tronse um album que ela usou como diario contando tudo de ruim que aconteceu

fabiana,juliano disse...

anne franck era uma menina que acabou morta em 3 de abril de 1946 que se tornou simbolodo holocasto
ela naceu na alemanha em 1929 bom eu não gostei que isso acomteceu mas foi eu achei estranho a ela morrido ela morava com a familia a vo depois de um tempo veoi morar junto tanbem ate sua morte em 1942
depois de um tempo ela foi tranferida de escola por coisas que aconteu seu pai num dia lhe tronse um album que ela usou como diario contando tudo de ruim que aconteceu

fabiana,juliano disse...

anne franck era uma menina que acabou morta em 3 de abril de 1946 que se tornou simbolodo holocasto
ela naceu na alemanha em 1929 bom eu não gostei que isso acomteceu mas foi eu achei estranho a ela morrido ela morava com a familia a vo depois de um tempo veoi morar junto tanbem ate sua morte em 1942
depois de um tempo ela foi tranferida de escola por coisas que aconteu seu pai num dia lhe tronse um album que ela usou como diario contando tudo de ruim que aconteceu

♥♥jessica♥♥ disse...

eu achei esse texto bem enteresante pois fala direitinho da vida dela eu observei bem e descobri que ela teve uma vida bem radical morando com seus pais e seus irmãos.
Gostei muito e vi realmente como e bom saber melhor da vida de alguem interesante agradeso a atênção!!!!!

♥♥jessica♥♥ disse...

eu achei esse texto bem enteresante pois fala direitinho da vida dela eu observei bem e descobri que ela teve uma vida bem radical morando com seus pais e seus irmãos.
Gostei muito e vi realmente como e bom saber melhor da vida de alguem interesante agradeso a atênção!!!!!

DAIANE ,SIMARA E BRUNO disse...

EU ACHEI ESSA HISTORIA MUITO TRSTE..E MUITO CONTURBADA..
FOI UMA JUDIA OBRIGADA A VIVER ESCONDIDA DOS NAZISTAS DURANTE O HOLOCAUSTO E SEU DIARIO FOI PUBLICADO E HOJE É UM DOS LIVROS MAIS VENDIDOS

llk disse...

Anne frank,é um dos símbolos do olocausto.
o diário da Anne Frank foi públicado pela primeira vez em 1947a história de um simples diário de adolescente transformou-se num comovente testemunho do terror nazista!

VIVIAN;DANI DIZ: disse...

♦NOS ACHAMOS A VIDA DE ANNE FRANCK MUITO TRISTE POIS ELA MORREU MUITO NOVA,PELOS NAZISTAS.NOS NEM CONHECIAMOS ELA,AGORA FICAMOS CONHECENDO-A.♥

lucas e leandro disse...

eu acho que anne frank e sua familia foram mudadas para ocampo de auschwitz. pois ottofoi ounico menbro da familia que a vouta a holanda.

Anônimo disse...

eu achei quessa menina se de dicava
a matematica do que a lingua portuguesa.
ate ganhou um livro de seu pai no
aniverssario.

Lucas Moura Justino de Souza disse...

Na minha opinião a vida de Anne Frank éra muito difisio com éssa coisa de nazista e eu e acho que ninguem gosta de ra sismo mpor que isso não é serto

luana e moniele disse...

EU ACHEI UMA ESTORIA MUITO TRISTE ,A TRAGEDIA DE ANNE FRANK,FOI TORNADO UM DOS SINBOLOS DO HOLOCAUSTO,ELA NASCEU NA ALÉ MANHA,O NOME DELA NÃO ERA ANNE FRANK ERA ANNELIES MARIA. Ela avia morrido en janeiro de 1942.

Aline e Marcela 8ºA disse...

Nós achamos o texto interresante...

Pq nós não conheciamos a história de ANNE FRANK...

Foi interresante conheçer a história dela!!!

LeOnArDo / MaRcElInHo. disse...

O texto fala de Anne Frank uma vítima do holocausto nasista,uma menina de apenas 13 anos.

O pai era um homem de negócios e um oficial condecorado que lutou no exército alemão durante a Primeira Guerra Mundial

É isso Muito interessante o texto,agora eu sei quem é Anne Frak

caique e ana paula disse...

Nós achamos que a Anne foi uma guerreira,pois achamos que poucas pessoas iriam sobreviver por tanto tempo confinida em um pequeno porão.
Mas infelismente seu esconderijo foi descoberto pelos nazistas.Mesmo assim enquanto estava no campo de trabalho ela não perdeu a esperança de que um dia tudo iria melhorar e nazismo se acabaria.
A Morte de Anne foi inevitavel mas ela nos deixou um grande exemplo de perceverança.

FLAVYA E LARA disse...

Otto Frank foi o �nico membro da fam�lia que sobreviveu e voltou para a Holanda. Ao ser libertado, soube que a esposa havia morrido e que as filhas haviam sido transferidas para Bergen-Belsen. Ele ainda tinha esperan�a de reencontrar as filhas vivas.

LUCAS E WILSON disse...

a eu gostei do texto mais achei m um pouco triste de mais.
comentario do wilson: eu tambem achei a historia desSA MENINA MUITO INTERESANTE . E MUITO TRISTE PELO QUE ELA PASSOU

lucas m. aline o. janaina disse...

não e legal não gosto de holocaustos,aconteceu em maio de um holocausto que matou muita gente inclusive a familia de Anne Frank.
Com a noticia que tinha que mudar tentarão se esconder,e deram uma pista falsa que ião para a suiça e tiste por que eram obrigados a se mudar

Victor e Renan disse...

Essa história que a Anne escreveu foi interessante pois ela foi vitima do nazismo e ficou escondida com sua familia dentro do escritório antigo do pai dela.

*P@MELL@* CRISTIN@... disse...

EU ENTENDI QUE ERA UMA FAMILÍA DE JUDEUS QUE ESTAVA LUTANDO PARA SOBREVIVER E FUGIR DOS HOLOCAUTO NAZISTA E EM 3 DE ABRIL DE 1946,O MUNDO CONHEÇEU A TRAGÉDIA DE ANNE FRANK,QUE SE TORNOU UM DOS SÍMBOLOS DO HOLOCAUSTO A MENINA GANHOU NUM DIARI DE SEU PAI DE PRESENTE E NA AQUELE DEARIO ELA ESCREVEU TUDO O QUE ACONTECIA COM ELA EM SUA VIDA FOI O QUE EU ENTENDI....

Suelen e Bruno P. 8anoA disse...

O mundo conheceu a tragédia de Anne Frank,que se tornou um dos símbolos do holocausto.Anne nasceu na Alemanha em 1929.Seu verdadeiro nome era Annelies Marie,mas todos em sua família a chamavam carinhosamente de "Anne".No dia 12 de junho de 1942,quando compretou 13 anos,Anne Frank ganhou de presente de seu pai um livro.No mês de junho de 1942,a família Frank recebeu a notícia de que seria obrigada a se mudar para um campo de trabalhos forçados.Anne passava a maior parte do tempo escrevendo em seu diário ou estudando.

Anônimo disse...

achei muito legal esta história ,principalmente q eles lutaram por suas vidas.pena q nem todos conseguiram.

RAFAELA E CAROLINE disse...

ESSE TEXTO FALA SOBRE ANNE FRANK.
UMA MENINA QUE MORREU EM UM CANPO DE CANCENTRAÇAO POR SER JUDIA(JUDEU)MAS ESCREVEU UM DIARIO QUE FOI PUBLICADO EM 1947 QUE LANÇOU 30MILHOES DE EXENPLARES

mariana 8b disse...

achei muito legal esta história ,principalmente q eles lutaram por suas vidas.pena q nem todos conseguiram.

Fernanda e Gabriela disse...

Apesar de ser muito triste é muito interessante, pois conta a vida de uma menina que sofreu muito nos campos de concentração.
Muitas outras pessoas morreram na querra mas essa nos chamou a atenção por ser uma criança.

Anônimo disse...

ahh eO gosteei doh textO !
pois mesmO ela estando na guarra ela aindah se preocupava com os estudos...ih mesmO com todas as dificudades ela aindah esperança di um dia acabar com essa guarra ih ela ser feliz !

BeijO ;*

By : Jenniii ih Alef :)

Gabih e Mayara 8°C disse...

Achamos muito macabro . Porém muito legal . E muito triste também . Eles sofriam muito naquela época . Acho que eles não mereciam isto .
Beijos

victor disse...

essa eh a bibliografia de anne frank http://www.netsaber.com.br/biografias/ver_biografia_c_375.html

vidios de anne frankhttp://www.youtube.com/watch?v=k_IY-9pfSH0

Anônimo disse...

http://pt.wikipedia.org/wiki/Anne_Frank

Anônimo disse...

http://pt.wikipedia.org/wiki/Anne_Frank

rodrigo disse...

http://pt.wikipedia.org/wiki/Anne_Frank

julinho disse...

entre nesse site:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Di%C3%A1rio_de_Anne_Frank


é muito legal!!!

leandro(tio le) disse...

Anne Frank com 13 anos de idade conta em seu diário a vida deste grupo de pessoas


entre nesse site:http://pt.wikipedia.org/wiki/Di%C3%A1rio_de_Anne_Frank

Luis Guilherme disse...

segue links com conteúdo sobre Anne Frank:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Di%C3%A1rio_de_Anne_Frank

http://pt.wikipedia.org/wiki/Anne_Frank

http://www.netsaber.com.br/biografias/ver_biografia_c_375.html

http://images.google.com.br/imgres?imgurl=http://www.starnews2001.com.br/anne-frank/anne-photo.jpg&imgrefurl=http://detrasparaafrente.blogs.sapo.pt/2008/04/15/&h=334&w=360&sz=13&hl=pt-BR&start=7&um=1&tbnid=K6710M8I6cL5tM:&tbnh=112&tbnw=121&prev=/images%3Fq%3Danne%2Bfrank%26um%3D1%26hl%3Dpt-BR%26sa%3DX

http://www.arikah.net/commons/en/thumb/6/60/300px-Anne_frank_memorial_bergen_belsen.jpg

http://www.neev.in/images/anne_frank_3.JPG

http://educacao.uol.com.br/biografias/ult1789u231.jhtm

Pedro , Lana , Michelle ♥☺♣ disse...

http://pt.wikipedia.org/wiki/Anne_Frank

http://www.netsaber.com.br/biografias/ver_biografia_c_375.html

ae ta bomm ??!

bruno disse...

http://pt.wikipedia.org/wiki/Anne_Frank


http://pt.wikipedia.org/wiki/Di%C3%A1rio_de_Anne_Frank



http://www.netsaber.com.br/biografias/ver_biografia_c_375.html


eu gostei muito de ter feito essa pesquisa pois eu fiquei sabendo mais sobre anne Frank

eliezer disse...

É reamente é uma historia muito triste ,essa diferença entre um pais com o outro é muito grande .
sem contar com as mortes que tem por causas das guerras mais em fim eu adorei a historia achei muito comovente .

♥♥ELLEN♥♥ disse...

eu achei esse texto muito emocionante eu adorei essa historia,ela mostra que sua vida nao foi facil nao eu achei isso no www.google.com e tem umas imagens legais sobre ela
bjs.....
♥♥ELLEN♥♥

♥♥ELLEN♥♥ disse...

eu achei esse texto muito emocionante eu adorei essa historia,ela mostra que sua vida nao foi facil nao eu achei isso no www.google.com e tem umas imagens legais sobre ela
bjs.....
♥♥ELLEN♥♥

Débora disse...

oie!

gente passei só para dizer que esse texto é super legal pois conta uma grande história ,bom ja que estamos vendo sobre ela dei uma pesquisada na internet e decobri umas fotos muito legais se vcs quiserem é pesquiser no geogle espero que vcs gostem tá e e também te uns videos no you tube
e ai naum demorem muito para ir visitar essa coisas hem pois naum saberão oq estarão perdendo!!













bjos♥♥

Anônimo disse...

naun eh muito legal pois naun gosto de racismo,fala sobre uma menina q foi morta no campo de concatração pelos nazitas ela foi de portada da escola em q estudava pois ela era judia e o hitler dizia q os judeus eram sangue ruin.

Anônimo disse...

n oi maiga td bm cm vc ? oq cmtass de bm !!! rsrs poq vc acho do tgexto rsrsr saohhh para dedsfarça rsrsr!

cleber disse...

eu achei muito interesante esse texto legal gostei

mayara gata!!!!! disse...

ehhh cabeçao pq vc nao flo antyersss!!!

Anônimo disse...

EU ACHEI ESSA HISTORIA LEGAL,POIS CONTA SOBRE A VIDA DELA QUE FOI DIFICIL EU NAO COSTUMO LER NADA MAS QUANDO LI ISSO ME INTERECEI

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,酒店,

Nádia disse...

Que triste esta história! Por muito tempo relutei em ver imagens de filmes e fotos do holocausto, pois me impricionava muito. Ontem acabei de ler o livro virtual. Eu me sinto tão triste e com o peito abafado! Rezei para todos aqueles que se foram que eram de carne, osso, coração e cheios de vida e ideais assim como nós.Minha reverência a todos que se foram e que todos descancem em paz!!!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails